28°C 18°C

São Paulo, SP

24°C 15°C

Curitiba, PR

35°C 19°C

Belo Horizonte, MG

34°C 21°C

Rio de Janeiro, RJ

24°C 18°C

Porto Alegre, RS

30°C 23°C

Salvador, BA

Segunda-feira, 28 de Agosto de 2017 - 16h15

Cinco formas de identificar um golpe por SMS

Publieditorial

Foto: Mundo Positivo

 

O uso do SMS está cada vez menos usual.

 

Com aplicativos de mensagem instantânea, como o WhatsApp, Kik, Messenger, Viber, WeChat, LINE, Tango, entre outros, o recurso de conversas e notificações de celulares têm perdido espaço. Entretanto, a ferramenta ainda é utilizada por empresas para enviar avisos de cobranças, alertar sobre consultas médicas e até mesmo divulgar promoções de serviços e produtos.

 

Entre a variedade de mensagens enviadas, hackers aproveitam para enganar os usuários e fisgá-los na tentativa de conseguir invadir, infectar ou até mesmo sequestrar dados pessoais.

 

Para não tornar-se uma vítima, veja cinco formas de identificar um golpe por SMS:

 

LEIA MAIS

+ É possível um celular pegar vírus do computador?
+ Conheça as três armadilhas mais comuns da internet
+ Programa de antivírus deixa o computador mais lento?
+ Catfishing: saiba como não cair no golpe do 'encontro às escuras'

 

Promoções
Desconfie de mensagens promocionais, as quais foram enviadas por números com mais de cinco dígitos. Empresas reais costumam utilizar números curtos, além de tentar contatos por meio de ligações -- e não por SMS.

 

Caracteres
O uso de caracteres incomuns podem indicar que o recado recebido seja um golpe. Se isso acontecer, ignore, exclua ou denuncie o contato. Não responda e muito menos forneça qualquer dado pessoal.

 

Erros de ortografia
Fique atento aos erros de ortografia e gramática. Se algo estiver fora do padrão, desconfie. Se for algo importante, procure investigar o número para saber sobre a veracidade do assunto.

 

SMS de banco
Bancos não enviam mensagem de texto aos seus clientes. Logo, qualquer notificação recebida, não clique e muito menos aja por impulso. Normalmente, hackers enviam mensagens no intuito de atualizar cadastros bancários, algo proibido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

 

Phishing

É um golpe conhecido como “pescaria”. A partir dele, cibercirminosos enviam um SMS para avisá-lo que você ganhou ou perdeu algum prêmio e, para recuperá-lo ou retirá-lo, é preciso clicar em um link, no qual é redirecionado a uma página para inserção de dados pessoais. Porém, ao fazer isso, os fraudadores passam a ter acesso às suas informações, como: CPF, RG, endereço, nome completo e até mesmo senhas.

 

Então, uma vez que você sabe como identificar este perigo, não responda e nem clique em links suspeitos.

 

Foto: Mundo Positivo

 

Tem alguma dúvida sobre segurança digital? Envie-nos um e-mail para: redacao@mundopositivo.com.br

 

Quer saber mais sobre segurança na internet? A McAfee, maior empresa especialista em tecnologia de segurança do mundo, tem dicas e soluções que ajudam a proteger os consumidores e as empresas de todos os tamanhos contra os malwares e as ameaças online mais recentes. Para mais informações, acesse o site: http://www.mcafee.com/br.


publicidade:

publicidade:

publicidade: